Alunos das escolas do Turismo de Portugal foram grandiosamente premiados internacionalmente

por: António Manuel Teixeira
Alunos das escolas do Turismo de Portugal foram grandiosamente premiados internacionalmente
O Turismo PT

As Escolas do Turismo de Portugal e os seus alunos estiveram em destaque nestas competições, pois para além destas quatro medalhas de ouro, conquistaram outras quatro: três de prata e uma de bronze.

As medalhas de ouro foram para alunos da Escola de Hotelaria e Turismo (EHT) do Porto (Leonor Bessa), EHT de Lisboa (José Marinho e Manuel Godinho) e EHT do Oeste (Ivânia Oliveira). A prata foi para alunos da EHT de Coimbra (João Monteiro), EHT de Lisboa (Inês Silva) e EHT de Portalegre (Miguel Timóteo). O bronze foi conquistado por Luísa Silva da EHT de Coimbra.

Para Carlos Abade, Presidente do Turismo de Portugal, “estas distinções a nível europeu são um enorme orgulho para as Escolas do Turismo do Portugal.  Os nossos alunos são o rosto do setor do turismo e, como profissionais e empreendedores de excelência, essenciais para que possamos continuar a garantir que Portugal é, não só o melhor destino turístico do mundo, como lidera o turismo do futuro”.

Na 36.ª edição da Conferência Anual da Associação Europeia das Escolas de Hotelaria e Turismo, os alunos portugueses conquistaram quatro medalhas: Ouro na categoria Hotel Management (José Marinho) e Culinary Arts (Leonor Bessa). Prata na categoria Wine Service (João Monteiro) e bronze na categoria Pastry (Luísa Silva). Organizada pela VESK, a competição teve lugar em Vilnius, Lituânia, este mês de novembro. Participaram mais de 850 candidatos, de 25 países, entre os quais 391 alunos de escolas de hotelaria e turismo.

A 30ª edição da EURHODIP (International Association for Supporting Education and Training in Hospitality and Tourism) Conference, decorreu em Famagusta, Chipre. Contou com a participação de alunos e formadores das EHT de Lisboa, Oeste e Portalegre, tendo conquistado medalhas de ouro nas categorias Culinary Arts (Manuel Godinho) e Marketing Management (Ivânia Oliveira) e medalhas de prata nas categorias Tourism Management (Inês Silva) e Food and Beverage Management (Miguel Timóteo). Esta prova é uma referência global na partilha de conhecimentos e formas de trabalhar, aprendizagem e troca de experiências.


Este tem sido um ano de prestigiadas conquistas para a Rede de Escolas do Turismo de Portugal, que tem a registar outras vitórias em competições, por parte de antigos alunos. Pedro Duarte, antigo aluno da EHT do Porto, venceu o mais prestigiado concurso de bar em Portugal.  “Ganhar o Bartender do Ano significa muito para mim. É a concretização de um objetivo pessoal. Uma competição que tem uma tradição de vencedores únicos e daqui para a frente só me resta valorizar este nome para que a indústria de bar continue a crescer”, sublinhou Pedro Duarte.

Ainda a 10 de Outubro, Nelson Freitas, antigo aluno das Escolas de Hotelaria e Turismo de Viana do Castelo e de Coimbra, foi eleito o Melhor Jovem Chef de Cozinha do Mundo. O jovem cozinheiro, venceu o Concurso S. Pellegrino Young Chef Academy 2022-23, que reconhece os melhores chefes de cozinha com menos de 30 anos.

Estes prémios confirmam a qualidade da formação das Escolas do Turismo de Portugal. Já em junho de 2023, a Rede de Escolas do Turismo de Portugal foi a vencedora da categoria Entidade Formadora, na 7ª Edição dos Prémios da AHRESP, cujo objectivo é distinguir as melhores empresas e instituições no sector do Turismo.

RIU Hotels & Resorts

Amsterdam City Card

Etihad Airways

Actualidade